Os Olimpianos RPG
Faça seu login ou inscreva-se para jogar conosco. Antes de se inscrever, tenha certeza de ler todos os links da Central e obedecer todas as regras até a ficha de inscrição. Agradeço a atenção.

Inscrições - Semideuses

Página 5 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Ir em baixo

Inscrições - Semideuses

Mensagem  Administração em Ter Jan 18, 2011 11:43 am

Relembrando a primeira mensagem :

Para se inscreverem, é só preencher a ficha abaixo. Assim que se inscreverem poderão começar a jogar.

Nome: (nome completo e sem abreviações)
Idade: (mínimo de doze anos e máximo de vinte e cinco)
Parente Divino:
Arma: (apenas uma e de ataque e defina bem como é a sua arma)
Características físicas:
Personalidade:
História do personagem: (mínimo de quatro linhas)
Turno Demonstrativo: (mínimo de cinco linhas)


Última edição por Narração/Administração em Qua Dez 05, 2012 10:31 am, editado 20 vez(es)
avatar
Administração
Admin

Mensagens : 462
Pontos : 7073
Reputação : 73
Data de inscrição : 16/01/2011
Localização : Ribeirão Preto, SP

Ver perfil do usuário http://osolimpianosrpg.forumeiro.com

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Administração em Seg Jul 30, 2012 4:30 pm

Hannah Blake, você foi aceita como filha de Éros. Bem-vinda ao RPG.
avatar
Administração
Admin

Mensagens : 462
Pontos : 7073
Reputação : 73
Data de inscrição : 16/01/2011
Localização : Ribeirão Preto, SP

Ver perfil do usuário http://osolimpianosrpg.forumeiro.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Convidado em Qui Ago 02, 2012 3:10 pm

Nome:Sara
Idade: 17
Parente Divino: Afrodite
Arma: Um esmalte que,quando ativado,se torna uma espada de esmeralda,a espadano total,se encontra com 130 cm,sendo 100 de lamina e 30 de punho.
Características físicas:Sua pele e mulata,tem cabelo marrom, seus olhos podem trocar de cor de azul e verde.
Personalidade:E muito gentil,e bem quieta , a mesma não gosta quando esta tudo parado,mesmo sendo meiga,e também e malvada e cruel quando quer.
História do personagem: Sara sempre ficou sozinha,era quieta e fechada,morava com os tios,pois sua mãe desaparecera apos ela nascer ,e seu pai,havia morrido de uma doença,seus tios a maltratavam muito, então,sua avó,se ofereceu para cuidar dela,e ela foi junto com a mesma,viveram por muitos anos juntas,ate que sua ela falou que o desejo de sua mãe era me mandar a um acampamento, o mesmo era chamado de acampamento Meio-Sangue
Turno Demonstrativo: Estava,eu,sozinha no imenso da escuridão,a qual se aproximava de mim,eu corria para o lado contrario dela,e claro que não iria me aproximar da mesma,notei que,quando mais eu passava,mais estranho o cenário a minha volta ficava,comecei a ver relógios que voavam ,brilhos coloridos, imagens,porem,as imagens tinha algo que eu a reconhecia,podia-se perceber que eram familiares , talvez fossem minhas?pensei.Oque esta acontecendo aqui? sussurrei.Foi no mesmo momento que notei que,eram minhas lembranças,eu no momento, não acreditava nisso, não devia ser,se for,onde estou?em minha mente?no mesmo momento,havia esquecido da escuridão que me perseguia,so consegui perceber,quando a mesma tocou em meu pe,ela começou a me puxar,e eu nao consegui sair dali , na mesma eu começei a afundar,nao havia nada a fazer.A não ser acordar.A escuridão falou.Aos primeiros momentos não entendi,mais a acordar com um susto,pude compreender.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Administração em Sex Ago 03, 2012 5:35 pm

Sara, você foi rejeitada como filha de Afrodite. O nome de sua conta não possui digamos, o nome de seu personagem realmente, e o nome na ficha deve ser preenchido completo, com nome e sobrenome. Não há bom uso dos pontos e vírgulas na sua escrita, e a história da personagem possui menos do limite mínimo de linhas, além de não contar realmente a história de vida da personagem. Leia outras fichas de inscrições para ter uma base e tente novamente quantas vezes for necessário.
avatar
Administração
Admin

Mensagens : 462
Pontos : 7073
Reputação : 73
Data de inscrição : 16/01/2011
Localização : Ribeirão Preto, SP

Ver perfil do usuário http://osolimpianosrpg.forumeiro.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Gunter Dalla Dea em Sex Ago 03, 2012 6:11 pm

All those fairytales are full of shit, one more fuckin' love song I'll be sick.

Gunter Dalla Dea 16 Ofíon
Arma:

Uma bola de metal não muito pesada que quando acionada, transforma-se em um mangual de bronze celestial com mais ou menos 0,8 metros de corrente e por volta de dois quilos.

Características físicas:

Cabelos castanhos claros, quase um tom de mel. Uma estatura um tanto alta, por volta de 1,75. Olhos claros, pele clara, corpo torneado e feições angulosas que lhe dão um ar de mistério.

Personalidade:

Do tipo um tanto atrevido. Gosta de brincar com as pessoas e, muitas vezes, até consigo mesmo. Procura se divertir até com coisas que não lhe dizem respeito. É frio e calculista quando o assunto é amor, não gosta de se decepcionar e, por isso, é difícil conquistar sua confiança e, principalmente, sua afeição.

História do personagem:

Nasceu e foi criado em Nova York. Desde pequeno teve tudo aos seus pés, desde dinheiro e supérfluos, até todo o tipo de garota que desejasse. Por ter sido assim acostumado, passou a agir por impulso, muitas vezes magoando as pessoas. Na escola, todos queriam ser seus amigos, mas, na verdade, o garoto só teve um amigo de verdade, e este morreu em um acidente de carro causado por uma fúria que atacou o carro em que os dois estavam na volta de uma festa, no entanto, Gunter sobreviveu, e se lamenta até hoje por isso. Foi após este acidente, em que o semideus foi reconhecido por seu pai e mandado para o acampamento.

Turno Demonstrativo:

Voltávamos eu e Josh do desastre ambulante que havia sido a festa de Catherine, estava escuro e Josh não conseguia ver bem por onde dirigia. De repente, um pássaro começou a planar acima do carro, olhei para meu amigo conjeturado. O animal começou a abeirar-se deixando notório o fato de que não era um pássaro, era um monstro. Josh olhou assustado. A aberração golpeou com toda força no teto do carro nos fazendo ouvir o estrondo. Meu amigo soltou a direção... E adveio. Numa fração de segundos, o capô estava amolgado. Senti o carro desencadear-se e capotar. Minha visão começou a ficar turva, todavia, consegui ver a fúria se afastar. Como último ato em minha vida, me atirei por cima de Josh tentando resguardar a vida de meu melhor amigo. Senti o líquido escarlate em minhas mãos ao tocar sua cabeça, o rosto macilento. O carro parava de capotar, minha visão escureceu. Era tarde demais para Josh.



avatar
Gunter Dalla Dea
Semideus

Mensagens : 23
Pontos : 0
Reputação : 5
Data de inscrição : 03/08/2012
Idade : 22

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
0/10  (0/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Calista Gilles em Qua Ago 08, 2012 9:45 pm


Calista Gilles
Deméter
17


Arma: Um par de leques de batalha, com laminas envenenadas com veneno de beladona e afiadas, capazes de desferir graves ferimentos e até decapitar cabeças.

Características físicas: Madeixas tão douradas quanto o sol, pode até ser confundida com uma filha de Apolo. Possui olhos azuis acinzentados, emoldurados com cílios grandes que lhe dão um ar angelical. Tem um corpo alongado e com curvas um tanto proeminentes. Não é muito alta, por volta de 1,68.

Personalidade: Determinada. Do tipo que não liga para o que os outros possam pensar de suas atitudes. Auto-confiante, carinhosa e divertida. Um tanto mimada e controladora, entretanto essas características são facilmente encobertas por sua personalidade forte.

História:
Spoiler:
Nasceu na grande Nova York numa família de classe média. Criada pela mãe, geralmente ausente, e o padrasto com quem não simpatizava, foi sempre a garota que tinha mais amigos, mais namorados e mais garotos atrás, e por esse motivo também foi sempre muito julgada por quem, sequer a conhecia, todavia, nunca ligou para isso. Desde pequena era determinada no que acreditava. Aos 15 anos teve seu primeiro relacionamento sério, no qual foi traída, sendo assim, até hoje ela não costuma se apaixonar fácil, por ainda guardar essa mágoa. Aos 15 também, os ataques começaram obrigando-a a fugir, uma coisa que ela odeia, quando completou 17, foi reconhecida por seu pai na hora do aniversário e então, sua mãe a mandou para o acampamento.

Turno demonstrativo:
Spoiler:
...Os all stars surrados contrastavam com a beleza em evidência no semblante da garota. O rosto macilento. E a vontade de ser quem não era. Fazer o que não queria. Uma voz no meio da escuridão. Não que estivesse silêncio. Ela era silêncio, sempre foi. O mais célere eram seus latejos. Não restavam dúvidas que aquela garota estava, na verdade, em constante debate com sua própria sanidade. Julgá-la não era o problema, mas sim, enfrentar sua cólera em seguida. Ela reparou por um momento nos sorrisos felizes que lhes eram dirigidos. Nas faces falsas que lhe eram demonstradas. A visão turva. O contínuo rosto macilento. A voz que ela temia, entretanto reconhecia. O apagão. O temor exposto nos rostos dos ali presentes. Todos se foram, deixando para trás uma mísera escassez de sanidade que lhe parecia restar.
...Não, ela não estava louca, era apenas uma nova garota que acabara de conhecer seu pai.
avatar
Calista Gilles
Semideus

Mensagens : 13
Pontos : 0
Reputação : 5
Data de inscrição : 07/08/2012

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
0/10  (0/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Íxion em Qua Ago 08, 2012 9:52 pm

Cameron Hastings 17 Caos

Know what they say about hope?
It hurts forever.

Arma

Espada de bronze celestial. O cabo possui trinta centímetros e a lâmina possui setenta centímetros.

Características

É alto e esguio, com cabelos negros e rosto fino. Possui olhos negros profundos e marcantes, sendo um perfeito exemplo da expressão "espelho da alma", já que é totalmente transparente por estes. Possui barba rala, apesar de não a manter por muito tempo.

Personalidade

Se apega facilmente às pessoas, se machucando frequentemente. É quase sempre otimista e positivo, mas às vezes é completamente pessimista. É irônico, desconfiado, sarcástico e amigo. Faz tudo o que pode para ajudar aqueles que considera seus amigos.

História

Nasceu no Brasil, mas mudou-se para a Europa ainda muito pequeno. Viveu durante seis anos em Londres, sempre sendo criado por uma babá pois a mãe era muito atarefada. Sua babá, Louise, criou uma afeição real pelo garoto, criando-o como se fosse filho da mesma. Ajudava-o a estudar e tentava ensiná-lo a ler apesar de sua dislexia, mas nunca conseguiu. A mãe de Cameron, Natasha, era realmente ausente, estando com o filho poucos minutos ao dia. Ele apenas a via pela fotos que Louise colocava pela casa, numa tentativa de criar uma relação saudável entre Cameron e a mãe. Como a mãe sempre viajava, Cameron passava a maior parte dos dias na casa de Louise, brincando com os irmãos e a irmã da mulher. Porém quando completou seis anos uma tragédia percorreu sua vida. A mãe morrera em um acidente de avião, na volta de uma das viagem de trabalho. O menino não possuía nenhum familiar em Londres, apenas seus avós maternos no Brasil. Com pena do garoto, Louise ofereceu-se para cuidar dele. Viveram em paz por quatro anos, até que Cameron começou a ver coisas estranhas e a ter sonhos que de algum modo eram pequenas visões. Assustados, os familiares de Louise passaram a se distanciar da mulher, devido ao medo que sentiam por Cam. Mas Louise apenas os ignorava, dizendo que o menino não tinha nada a ver com o que acontecia. Aos quinze anos Cameron passou a ter interesse em sua família e principalmente no pai que nunca conheceu. De tanto insistir, fez com que Louise o levasse até o Brasil, a fim de conversar com os avós maternos. Durante a viagem Cameron descobriu que sua mãe havia fugido do Brasil quando o levou para Londres, a fim de afastá-lo do pai. A avó contou-lhe que seu pai desejava levar-lhe para os EUA, em um local próprio para crianças como ele. Isso instigou no garoto a curiosidade desenfreada, fazendo com que Louise o levasse para os EUA. Lá atravessou o país à procura de algum vestígio de seu pai ou de alguém como ele: que tinha alucinações e visões. Por fim ao chegar nos arredores de Long Island, Cameron ouviu vozes. Símbolos brilharam sobre sua cabeça. E então foi instruído a ir para um acampamento.
Turno

Louise gritava para que eu a esperasse, mas aquilo não podia demorar mais do que já havia demorado. Corria por entre as ruas, atravessava os labirintos de carros nas ruas de Manhattan sem a mínima preocupação com a probabilidade de um atropelamento. As vozes começaram na noite passada, sussurrando coisas como "Acampamento", "fuja", "semideus", " meio-sangue" e outras coisas completamente comuns para um adolescente de dezessete anos. Louise ainda gritava histericamente, como da vez em que viu uma cobra no zoológico. Digamos que não foi uma boa experiencia para ninguém. Nem para Louise, nem para mim, nem para as crianças que estavam ali observando a píton albina. E principalmente: não foi boa para a cobra. Depois de alguns minutos correndo como uma louca, Louise finalmente me alcançou. Ela não era muito nova, mas também não era exatamente velha. Tinha disposição e capacidade para correr atras de mim, o que já era suficiente. Você... está... encrencado. Ela disse, ofegando. Sorri de lado para ela, que se inclinava com as mãos apoiadas nos joelhos, respirando aceleradamente. Quando sua respiração voltou ao normal pude ver que apesar de toda a irritação que aparentava, por dentro estava eufórica com a adrenalina da situação. Eu sei, eu sei: fiz coisa errada e tal. Corri entre os carros, quase morri umas treze vezes e blá-blá-blá. Falei, sem olhar para ela e gesticulando com a mão. Mas diz que não foi divertido? Sorri, e ela me deu um pequeno tapa na cabeça, colocando o braço em volta do meu pescoço. Aquilo costumava ser legal quando eu era pequeno, mas agora a cena se tornava ridiculamente ridícula (a redundância é extremamente necessária, porque foi realmente ridículo). E assim, com ela na ilusão de que eu estava apreciando aquele momento fomos para o hotel. Era nossa última noite em Manhattan antes de seguirmos para o tal Acampamento.


Última edição por Cameron Hastings em Qui Ago 09, 2012 6:51 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Íxion

Mensagens : 29
Pontos : 0
Reputação : 5
Data de inscrição : 07/08/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Alexia Lignière Turner em Qui Ago 09, 2012 2:29 pm

-

Someday I'll wish upon a star and wake up where the clouds are far behind me



Alexa Turner.

Dezesseis anos.

Ananke.

Um mangual típico da era medieval.

Dona de um belo par de olhos azuis, sua face não há nenhuma imperfeição. Seu corpo é longilíneo e um pouco desnutrido, dando lhe uma impressão anoréxica. Suas madeixas muito lisas são quase escorridas e de cor âmbar.

O que é bastante notório na personalidade de Alexa é o carisma e a graça. Apesar de muito amigável, Alexa também mostra-se tímida, podendo se isolar muito rapidamente das pessoas. Por ser um pouco solitária ela acabou virando uma ótima observadora, sabendo um pouco das pessoas antes de conhecer.

Nascida em um pequeno interior da Inglaterra, Alexa sempre sofreu com a falta da mãe, porém isto não a impediu de ter um bom desenvolvimento. Sendo uma aluna bem dotada. Fora somente em um acontecimento estranho que Alexa começou a suspeitar de sua ascendência materna. Não demorou muito para a própria Alexa questionar o pai, este entrou em uma complicação e tivera que ir à reabilitação. Deixando a jovem garota com mil e uma lacunas de seu passado. Haviam-se passado dois anos desde que seu pai havia se internado. No dia exato de seu aniversário uma criatura monstruosa invadira a casa dos Turner, entrando em desespero Alexa fora em busca de seu pai, e acabou sendo respondida logo para ir ao Acampamento Meio-Sangue.

Fim de tarde, era a melhor parte do dia inteiro, em minha opinião. Na maioria das vezes ia à casa da minha avó tomar o típico chá das cinco, porém aquela tarde não seria a mesma. Os meus passos mudaram de rumo, eu estava indo em direção ao campo das colinas. Lugar que particularmente me agradava, era o único lugar onde mantinha minhas melhores recordações. Fazia um determinado tempo que não me sentia animada ou deslumbrada por algo em minha vida. Meu pai continuava se recuperando e não data prevista para sair daquela reabilitação. E minha mãe? Realmente era o maior mistério da minha vida. Não havia a quem decorrer, fiquei um pouco triste com aquela ideia de não haver ninguém ao meu lado nos momentos de aperto. As coisas não poderiam ficar de tal modo, eu teria que buscar respostas do meu passado e da minha mãe, principalmente. Não demorei muito tempo para estar de frente à clinica de reabilitação que meu pai estava.


Where troubles melt like lemon drops, away above the chimney tops that's where
avatar
Alexia Lignière Turner
Semideus

Mensagens : 124
Pontos : 5
Reputação : 10
Data de inscrição : 07/08/2012
Idade : 21

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
0/10  (0/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Convidado em Qui Ago 09, 2012 2:52 pm


faking falls, stopping tall, take it all, i'm taking mine, time is up


Nome: Patch Schnneider
Idade: 17 anos
Parente divino: Nêmesis
Arma: Machado de duas pontas com espinhos venenos nas lâminas.
Características físicas: Patch tem o corpo forte devido aos treinamentos intensivos durante todos os anos de praticamente sua vida inteira, a altura é a apropriada para o sexo e idade, talvez sendo pelos alguns centímetros mais altos que os garotos de sua idade. Os cabelos são negros, a pele puxada mais para o pardo e os olhos geralmente sendo descritos como tempestuosos e azulados.
Personalidade: Devido ao seu sangue divino, é do tipo que sempre dará o troco na mesma moeda, mas geralmente, ele fará pior, mesmo que você tenha feito para ele tenha sido algo mínimo. Ele não se importa com nada, realmente, talvez somente com sua irmã. Irritadiço, irônico, sarcástico, pervertido, malicioso, genioso, vingativo, dissimulado, falso: essas são as palavras perfeitas para descrever Patch Schnneider.
História do personagem: Criado em um orfanato junto com a irmã, eles sempre foram maltratados e ignorados por todos, sendo julgados por serem estranhos, verdadeiras bombas de encrenca, podendo explodir a qualquer momento. Quando ambos completaram quatorze anos conseguiram ser expulsos do orfanato, se enfiando nas ruas, perdidos. Até que um dia, então, conseguiram encontrar o tal Acampamento Meio-Sangue, depois de serem perseguidos incansavelmente por monstros e por um grupo de Caçadores, incluindo um menino da idade deles, alegando que eles deveriam ser mortos a todo custo. Ao chegarem no Acampamento, foram acolhidos e puderam pela primeira vez achar um local no qual chamariam de “casa”, “lar” ou qualquer outro derivado. Mas, como um peso que carregaram por todo canto, conseguiriam fazer mais inimigos do que amigos, incluindo os gêmeos Eckhart. Patch por pura vingança contra Gale, um dos gêmeos, sabendo que não poderia vingar-se diretamente contra ele ou contra sua irmã, Jodie, acabou matando uma das garotas que Gale tinha uma queda. Depois disso, sendo massacrado junto com sua irmã Isabelle, por várias pessoas suspeitarem dele, fugiu do acampamento junto com a mesma. E agora, ele está de volta, aparentemente para sua própria proteção, mesmo sendo algo contraditório, mas agora, nada importa quando se está sendo caçado.
Turno Demonstrativo: Isabelle bufou impacientemente, me fuzilando novamente com o olhar. Tente soar como alguém legal e não como uma arma destrutiva. – ela recomendou jogando um peso de cabelos negros atrás de suas costas, estreitando os olhos contra mim. – O Acampamento, aparentemente, não terá todos os campistas que conhecíamos e isso pode ser um ponto. A maioria dali, não irá nos conhecer ou então, algo mais improvável ainda, nos reconhecer. Franzi o cenho para ela e depois voltei meu olhar para o acampamento bem à nossa frente. Não seja burra. – respondi ríspido. – Muitos morreram, outros fugiram e estão provavelmente sendo Caçados como nós fomos, mas obviamente terá pessoas ali que irão nos reconhecer. Isso me fez lembrar os Eckhart... Jodie foi morta. Gale está vivo. Caine está no acampamento. O resto eu não saberia dizer, mas de qualquer jeito, não iremos ter sossego aqui. Isabelle contorceu os lábios vermelhos em um meio sorriso. Então acho está na hora deles morrerem também.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Freah Trachtenberg em Qui Ago 09, 2012 5:47 pm


A walking disaster everytime you try to fly you end up falling out of line


Nome:
Freah trachtenberg

Idade:
17 anos.

Parente divino:
Nêmesis

Arma:
Uma pulseira de diamantes, que quando atirado de maneira certa, vira uma lança de bronze celestial com 2 metros de comprimento. Adquire um veneno entorpecedor quando entra em contato com sangue de um semideus, podendo assim faze-lo desmaiar por horas, se não tratado com agilidade.

Características físicas:

Freah é muito bela. Suas feições são bem vivas, a jovem tem um belo par de olhos verde esmeralda, que são um pouco puxados semelhando um gato. Sua boca mostra-se um pouco severa quando está sem expressão. Seu cabelo é longo e escuro, largas e bem modeladas ondas caem em seus ombros.

Personalidade:

Ela se mostra o contrário de sua aparência agradável. É uma verdadeira megera, sempre desejando o pior para os outros e se alegrando ao ver o fracasso destes. Tem um coração de gelo, apenas sentindo compaixão pelo seu próprio nariz. Competitiva, não gosta de ver um obstáculo e luta por aquilo que deseja e não ter. Cruel aprecia a dor como um doce e fria como o gelo, mostra-se sem emoções e sentimentos.


História:

Freah nasceu em família com muitos bens, porém seus pais nunca foram presentes e assim fazendo os gostos da garota com a desculpa de não ser presente. Foi o suficiente para Freah começar a desvalorizar sua família e apenas considerar seus amigos sua família. Tendo como melhor amiga Hanna Blake, a garota que mudou sua personalidade por inteiro. Com 15 anos foge de casa para morar na casa da família Blake. Um ano depois fora mandada pela família junto com Hanna para o acampamento meio-sangue, após um incidente ocorrido na época, o acampamento que as mesmas já sabiam desde o inicio de suas vidas que existia.



Turno Demostrativo:

Lá estava eu e Hanna já planejando o que fazer com a pequena Frida que brincava na sua pequena estufa de rosas. Questão de poucos segundos para Hanna vira-se para mim e solta um riso carregado de deboche. — Free, já tenho uma ideia perfeita para o que fazer com aquela idiota! — sua voz estava carregada com escárnio. Meus olhos encontraram os dela, com uma incerteza. — O que iremos fazer com sua irmã? — perguntei tamborilando meus dedos na mesa de madeira. Ela riu e puxou um pequeno isqueiro. Fogo. Ela iria mexer com fogo! — Simples! Sabemos que a Ema tem um grande amor pela aquela estúpida estufa, não é? — concluiu ela em uma tentativa de amassar o isqueiro em suas mãos. Apenas concordei já conseguindo formar em minha cabeça o seu plano. — Pronto! E o que você me diz em tocarmos fogo naquelas estúpidas e fedorentas rosas?

[/center]
avatar
Freah Trachtenberg
Semideus

Mensagens : 75
Pontos : 1381
Reputação : 6
Data de inscrição : 09/08/2012
Idade : 21

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
10/10  (10/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Administração em Qui Ago 09, 2012 9:24 pm

Gunter Dalla Dea, você foi aceito como filho de Ofíon. Bem-vindo ao RPG.
(Apenas uma vaga restante para filhos de Ofíon)
Calista Gilles, você foi aceita como filha de Deméter. Bem-vinda ao RPG.
Cameron Hastings, você foi aceito como filho de Caos. Bem-vindo ao RPG.
Alexa Turner, você foi aceita como filha de Ananke. Bem-vinda ao RPG.
Patch Shcnneider, você foi aceito como filho de Nêmesis. Bem-vindo ao RPG.
Freah Trachtenberg, você foi aceita como filha de Nêmesis. Bem-vinda ao RPG.
avatar
Administração
Admin

Mensagens : 462
Pontos : 7073
Reputação : 73
Data de inscrição : 16/01/2011
Localização : Ribeirão Preto, SP

Ver perfil do usuário http://osolimpianosrpg.forumeiro.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Spencer Donassalo em Sex Ago 10, 2012 4:35 pm



Nome
Spencer Donassalo
.

Idade
18 anos

Parente Divino
Caligena

Arma
Um anel de brilhantes e um pingente que carrega em seu pescoço em forma de coração. O anel se transforma em uma espada envenenada, com veneno capaz de matar em segundos. O pingente, quando tocado, transforma-se imediatamente no antídoto capaz de anular os efeitos do veneno de sua espada, sendo este a única coisa capaz de anulá-lo.

Caracteristica Fisica
Spencer tem cabelos loiros longos e olhos verdes claro, tem lábios carnudos, é alta tem 1,70 de altura.

Personalidade
Spencer é delicada, cuidadosa, nunca age por impulso ao contrario de seu irmão. Ela é extrovertida adora fazer novas amizades, mas na maioria das vezes é calada. O que lhe estraga é o fato de ser rica demais, pois isso a torna orgulhosa e perigosa.
Historia
Spencer Donassalo nasceu no dia 02 de agosto de 1994, em Los Angeles. Segundo a história contada por seu pai, ela e seu irmão gêmeo vieram ao mundo com muita dificuldade, resultando na morte de sua mãe na hora do parto. Spencer e seu irmão, Lucas, sempre sofreram pela morte da mãe. O pai, sendo um homem muito rico e atarefado nas coisas da empresa que possuía, raramente tinha tempo para os filhos. Ambos cresceram sendo criados pela empregada da casa, Helena. A mulher os educou com sabedoria e senso de justiça. Porém aos treze anos ela foi despedida e as crianças começaram a se rebelar. Spencer encontrou como válvula de escape ser a melhor em tudo, principalmente em coisas relacionadas a garotos e à beleza. Tentava ser a mais bela de todos, humilhando aqueles que considerava inferiores a ela. Com o passar do tempo começou a ser taxada de patricinha, egoísta e nojenta, qualidades que a mesma possuía. Após esses comentários, Spencer tentou melhorar. Como modo de solução, a mesma mudou de escola e na nova escola esforçou-se para não ser tão má. Aos dezesseis anos ganhou um carro de seu pai, podendo assim sair com suas amigas e ficar até várias horas da madrugada em festas e boates. Apesar de tudo que passou, Spencer é muito próxima de seu irmão. Os dois são opostos em vários aspectos, mas possuem uma ligação intensa entre si. Ao completar dezoito anos o pai contou a ela e ao irmão a verdade sobre a mãe, fazendo com que ambos os irmãos fugissem de casa. Antes de irem, porém, Spencer sacou toda a quantia presente em sua conta no banco, sendo o suficiente para fugirem para o outro lado do mundo, se desejado. Porém foram atraídos para Manhattan e logo depois para Long Island. Spencer ouviu vozes, e entre os muitos sussurros ouviu principalmente as palavras "Acampamento Meio-sangue".

Turno Demonstrativo
Lucas gritava para que eu o acompanhasse, mas minhas pernas travaram e não consegui me mover com mais agilidade. Ele parou impaciente e voltou até onde eu estava e me puxou para que eu adotasse o mesmo ritmo que ele. A dracanae estava a poucos metros de distancia, e eu não sabia por que diabos eu sabia o que era aquela coisa. As aulas de mitologia nunca foram muito uteis, portanto nunca me dei ao trabalho de memorizar alguma coisa sobre o assunto. Mas naquele momento eu milagrosamente havia reconhecido aquela criatura. Ela sibilava atras de nós, provavelmente com desejo de ter um de nós literalmente no jantar. Lucas apertou firmemente minha mão pressionando com força meu anel. Por algum motivo estranho uma espada surgiu em minha mão, como se fosse magica. Meus olhos se arregalaram e tive certeza de que os de Lucas também. Sem pensar muito, na verdade sem pensar nem um pouco, fui para cima daquela criatura e comecei a ataca-la. Não sabia o que fazia, apenas que não queria virar jantar de monstro naquele dia.



Última edição por Spencer Donassalo em Dom Ago 12, 2012 12:07 am, editado 1 vez(es)
avatar
Spencer Donassalo
Semideus

Mensagens : 20
Pontos : 250
Reputação : 5
Data de inscrição : 09/08/2012
Idade : 23

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
2/10  (2/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Lucas Donassalo em Sab Ago 11, 2012 11:46 pm


Nome
Lucas Donassalo
Idade
18 anos
Parente Divino
Caligena
Arma
Um bracelete com uma pequena pedra de brilhante que quando o bracelete é retirado se transforma em uma espada de ouro venenosa de 70cm de lâmina.
Característica Física
Lucas tem cabelos loiros claros, olhos azuis, tem 1,76 de altura. Ele tem corpo definido, esguio e totalmente musculoso.

Personalidade
Lucas é irônico, sarcástico, safado, age por impulso e sempre acaba se arrependendo o revoltado. É um tanto protetor em relação a sua irmã. No colégio sempre foi chamado de o "Bad Boy" por ser rico e bonito.
Historia
Lucas Donassalo nasceu no dia 02 de agosto de 1994, em Los Angeles. Ele e sua irmã gêmea foi criados pela empregada da casa Helena, pois segundo seu pai sua mãe morreu no parto. Lucas sempre achou a historia contada pelo pai sem sentido, más nunca tocou no assunto pelo fato de não gostar muito do pai pela sua ausência na criação dos filhos pelo fato de ser um empresário muito eficiente sempre vive viajando. Helena os educou com muita sabedoria e senso de justiça, o que para Lucas não adiantou muito. Tudo piorou quando Helena foi despedida que para apaziguar suas mágoas, Lucas se entregou a bebida. Foi difícil para ele sair dessa, mas Spencer o ajudou. Ao dezesseis anos ele começou a treinar boxe onde encontrou solução para descontar suas raivas. Ao completar dezoito anos o pai contou a ele e sua irmã a verdadeira historia sobre sua mãe, Lucas perdeu o sentido e resolveu fugir com sua irmã. Foi diretamente para Manhattan e logo depois, Long Island. A partir dai Lucas começou a ouvir vozes, no começo pensou estar ficando louco, mas para não assustar sua irmã manteve segredo. Mas o estranho de tudo é que, na maioria das vezes ele ouvia "Acampamento meio-sangue".
Turno Demonstrativo
De repente Spencer parou, voltei impaciente para busca-lá pois o que mais queria era me livra daquela coisa, metade mulher e metade cobra. A dracanae estava cada vez más próxima, não consegui entender como sabia o nome daquele bicho, más aquele não era o momento para eu começar a pensar. O desespero tomou conta de mim pois não sabia o que fazer, só tinha que manter a minha irmã a salvo. Comecei a apertar com toda minha força a mão de Spencer e em um passe de mágica uma espada surgiu em sua mão. Spencer sem pensar muito foi ao encontro daquele bicho, o desespero tomou conta de mim, eu não podia deixar minha irmã sozinha naquela. Sem querer retirei meu bracelete de prata que começou a brilhar e se transformou em uma espada enorme de ouro. Novamente sem pensar nenhum pouco fui até minha irmã que estava pronta para ataca-lá, Dracanae veio disparadamente em nossa direção gritando: - Vocês não são páreo pra mim. Então lhe retruquei, com um tom sarcástico: - Veremos. Com minha espada de lâmina afiadíssima, passei-a em suas pernas, o que a derrubou naquele momento. Quando procurei por Spencer ela já estava com sua espada fincada na testa da dracanae, que em segundos se transformou em pó dourado.


Última edição por Lucas Donassalo em Dom Ago 12, 2012 4:22 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Lucas Donassalo
Semideus

Mensagens : 13
Pontos : 0
Reputação : 5
Data de inscrição : 11/08/2012
Idade : 23

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
0/10  (0/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Abderman Scotte em Dom Ago 12, 2012 12:18 am


Nome

Abderman Scotte


Idade


16 Anos


Parente Divino:


Ares


Arma:


Um Anel que quando ordenado vira uma espada de 85 cms de bronze celestial mais parecida com uma montante com o cabo negro, apesar do tamanho era leve .


Características físicas:


Cabelos Negros bem escuros, Alto,corpo mediano mais forte e definido, e corpo todo tatuado


Personalidade:

Simplesmente gosto da escuridao,as historias de terror me deixam animado..tenho uma caracteristica especial gosto de encrenca..Simples assim.


História do personagem:


Desde jovem eu sempre soube quem eu era,minha mãe nunca escondia nada de mim.
Minha mãe era dona de uma grife famosa de roupas, vivia sempre em desfiles de moda e eventos importantes, assim ela nao se preocupava muito comigo e e eu fazia o que quisesse, talvez isso explicasse, eu ainda adolescente agindo como um rockeiro rebelde com tatuagens por todo o corpo.

Na escola eu era visto como mal aluno, levei varias suspenções e tinha muita dificuldade com a escola por que eu sofria de dislexia e deficit de atenção, o que me fazia evitar sempre que podia.


Turno Demonstrativo :


Era noite e a musica alta me distraia, tanto que mal notei meus amigos pulando a janela do meu quarto - Eae ! Vamos Sair ? - Disse Harry, que vestia uma roupa estranha como sempre, uma calça verde, junto com uma blusa amarela e um bone branco, - Opa ! Vamos fazer outra tatto - completou Charles, que vestia uma blusa de sua banda de rock preferida, Green Day, e uma calça preta, - Vou trocar de roupa - Respondi a eles .

Quando Voltei com uma blusa do Paramore, e uma calça preta bem apertada, meus amigos ja estavam me esperando, haviam pegado minhas garrafas de whysky e estavam tomando " Folgados " pensei comigo, logo saimos de casa e andamos e bebemos zuando por toda cidade .
Paramos de Frente ao Estúdio de tatuagem e olhamos ambos um para o outro, todos ja sabiam que iria me mudar essa noite, eu iria para o acampamento meio sangue onde tinha outros semideuses como eu .

Ambos Fizemos uma Flor no Pescoço e nos despedimos tomando mais uma garrafa de Whysky.
[...]
Ao Acordar , o Taxi que me levaria ao meu novo destino chegou.

Ao ver o Acampamento Adentrei , aguardando os aventuras que ali me aguardavam .




// Minhas Falas

//Falas de Outros personagens


//Pensamentos

avatar
Abderman Scotte
Semideus

Mensagens : 5
Pontos : 0
Reputação : 5
Data de inscrição : 07/08/2012

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
0/10  (0/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Cassius Bellasco em Seg Ago 13, 2012 7:53 pm

Nome:

Cassius Bellasco

Idade:

14 anos

[b]Parente Divino:

Hades

[b]Arma:

Espada de ferro esfigio, o cabo de ouro negro dá um terrível aspecto de escuridão e trevas.

[b]Características físicas:

Cabelo preto e curto, pele branca, alto e magro.

Personalidade:

Tranquilo, meio sozinho mas sem nenhum problema com depressão.

História do personagem:

Descobri que era um semideus através de um sátiro na oitava série que se passou por professor de filosofia. Ele, juntamente com minha mãe, preparou
minha viagem até o acampamento em um dia quando eu e meu professor saímos correndo da escola até minha casa, nunca tive tantos amigos, me sentia deslocado e sem motivos para viver, depois que cheguei aqui creio que tudo irá mudar, terei sede de mostrar quem sou e lutar por meus objetivos. Nunca deixarei adversários em paz e sempre treinarei e darei meu melhor como sempre fiz, porém agora terei uma razão para faze-lo

Turno Demonstrativo:

Corri diretamente ao meu alvo que também vinha em minha direção, o minotauro seguia reto e eu mais confiante do que corajoso desvivei de seu caminho, o animal tropeçou em suas pernas e caiu de cara no chão, eu levantei-me mais rápido que a fera e corri em sua direção pulando para cima de suas costas com a espada erguida, pronta para desferiri um corte que livraria-me da fera, durante o meu pulo o animal se levantava, aos poucos fui abaixando a espada com força e velocidade, antes de eu desferir um golpe nele, o animal deu uma rápida erguida no corpo, que bateu em minhas pernas e me fez rolar por cima dele, cai de costas para ele me virei e só deu tempo de ver o animal correndo em minha direção, sem saber o que fazer, passei pelo meio de suas pernas, e ao fazer isso, cortei-o em seu joelho, transformando-o em pó.


Última edição por Cassius Bellasco em Seg Ago 20, 2012 8:03 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Cassius Bellasco
Semideus

Mensagens : 2
Pontos : 0
Reputação : 5
Data de inscrição : 13/08/2012
Idade : 20
Localização : Nova York - Estados Unidos

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
0/10  (0/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Administração em Ter Ago 14, 2012 1:18 pm

Spencer e Lucas Donassalo, vocês foram aceitos como filhos de Calígena. Só lembrando que o RPG se passa em 2018, portanto os dois teriam nascido em 2000, não em 1994. Bem-vindos ao RPG.

Abderman Scotte, você foi aceito como filho de Ares. Porém, tente melhorar a questão de pontuação e acentuação na sua escrita, e também no quesito de letras maiúsculas soltas no meio da frase em palavras comuns, ou seja, não sendo nomes próprios.

Cassius Bellasco, você foi rejeitado como filho de Hades. As vagas para este deus estão fechadas e não há uma representação na postagem ou na imagem de avatar de seu personagem, que é exigida nas regras do RPG que se encontram no tópico "Início". Você pode tentar novamente quantas vezes forem necessárias.
avatar
Administração
Admin

Mensagens : 462
Pontos : 7073
Reputação : 73
Data de inscrição : 16/01/2011
Localização : Ribeirão Preto, SP

Ver perfil do usuário http://osolimpianosrpg.forumeiro.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Administração em Dom Ago 19, 2012 2:20 pm

Inscrições para Três Grandes e Ofíon abertas. Não há um limite, será fechado somente daqui um tempo. Aproveitem.
avatar
Administração
Admin

Mensagens : 462
Pontos : 7073
Reputação : 73
Data de inscrição : 16/01/2011
Localização : Ribeirão Preto, SP

Ver perfil do usuário http://osolimpianosrpg.forumeiro.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Santah Van Der Kells em Dom Ago 19, 2012 4:24 pm


Nome:

Santah Van Der Kells

Idade:

16 Anos

Parente divino:

Hades

Arma:

Espada de bronze celestial com pequenas ondulações pontiagudas em suas extremidades envenenadas.

Características físicas:

Sua face angelical a contradiz. Dona de grandes olhos azuis bem arredondados e delicadamente contornados. Seus cabelos longos e negros dão-lhe um ar “dramático” a sua face branca com maçãs do rosto rosadas. Seu corpo é proporcional a sua altura, e suas curvas acentuadas.

Personalidade:

Embora seja uma filha de Hades, sua personalidade se caracteriza com a de uma filha de Nêmesis. A maldade presente em seu interior é naturalmente vista por todos. Desde pequena é de sua normalidade desprezar sentimentos tanto alheios como de si própria. Crescida como uma garota independente e puramente orgulhosa, sua impiedade pelo próximo sempre fora seu principal destaque. Sua habilidade de manipular um dialogo para satisfazer-se é invejável. Sabendo tudo de todos é capaz de fazer uso de sua maior fraqueza para acabar com toda felicidade presente no lugar.
História do personagem:
Fora enviada para um orfanato assim que nasceu, passou por diversas famílias apenas causando problemas entre elas até se estabelecer em uma com 5 anos onde recebeu o nome de Santah, um nome um tanto contraditório para a mesma. Desde então fora criada no centro de Manhattan com todo luxo que uma garota sempre sonhou. Seus pais adotivos sempre fez questão de presentear a mais nova filha com tudo que a mesma desejara em troca de um simples sorriso em um jantar qualquer. Sempre estudou em escola particular onde atormentava as pessoas em sua volta de qualquer forma. Desde pequena sempre soube o que era e de onde vinha, e fora treinada pelos melhor professores de luta grega e chinesa para matar. Em sua adolescência começou a fazer parte de rituais de massacre tornando-se uma psicopata fria em relação a morte. Seu temperamento assustador a leva sempre a fazer o pior com todos que experimente atrapalhar seu caminho.

Turno demonstrativo:

Minha impaciência já se tornava notória ao andar daquela discussão. Acabara de fazer 15 anos e meus pais ou “pessoas que sou obrigada a conviver e paga minhas contas” como prefiro pensar, estavam decididos que eu deveria sair da cidade. -Papai, não é culpa minha se a garotinha tem medo de se machucar. Falei ironicamente com um sorriso meramente ilustrativo. Tentava entender os pensamentos dos meus pais, eles estavam em conflito com seus pensamentos. Estavam gritando histericamente, e eu apenas os observava-os. -Santah! Você a empurrou de uma escada! Ela se encontra em coma! Tem ideia de qual é a gravidade do problema? Chegava a ser engraçado toda a fúria utilizada por eles para poder cuspir aquelas palavras, eu sorria freneticamente diante daquela situação, tinha empurrado uma garota, quase matado-a. -Na verdade não papai, não sei qual é a gravidade do problema, para isso tenho você como advogado. Sorri, pois sabia que aquelas palavras haviam afetado meu pai de alguma forma, então machucar meu pai já era um objetivo alcançado só faltava minha mãe que a cada dois minutos falava. –Que menina mal criada! Eu sabia que era para ter mandado ela para o acampamento assim que eu pude!. Minha mãe talvez me amasse, mas meu irmão mais velho conseguia a proeza de fazê-la der-lhe toda atenção possível, o que me dava a chance de ser livre para fazer o que quisesse sem supervisão de ninguém. –Mamãe, lembra que me criou? Deixe-me dar uma dica.. Faço até uma cara irritante enquanto falava, sabia que ela não estava feliz, e meus atos só pioravam a situação, o que me deixava feliz. –Você, mamãe, você me criou. Falei por fim com um sorriso um tanto vitorioso plantado em minha face.
.
avatar
Santah Van Der Kells
Semideus

Mensagens : 15
Pontos : 0
Reputação : 5
Data de inscrição : 18/08/2012
Idade : 21

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
0/10  (0/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Precious Frisbey em Dom Ago 19, 2012 8:17 pm

Precious Frisbey - 17 - Zeus

Arma: Balestra com flechas de ponta feita de bronze celestial. Assim como um arco, ela usa uma corda que se move rapidamente para lançar flechas, mas também tem um gatilho e uma coronha, como um rifle.

Físico: Cabelos loiros ondulados, pouco depois dos ombros. Grandes olhos verdes bem contornados. Estatura um tanto baixa, por volta de 1.65. Corpo esbelto, e ao mesmo momento curvilíneo, acentuando sua destreza e feminilidade.

Personalidade: Pelos que não a conhecem por completo, pode ser taxada como metida, mimada ou ignorante, entretanto Precious é um tanto impulsiva, por isso recebe estas "etiquetas". Costuma ser um tanto controladora, e isso sim é verdade, gosta de manipular a situação e acaba estressando-se se as coisas não ocorrem como o desejado. Gosta de falar e impor sua opinião, sempre liderando os grupos, sejam da escola, ou até mesmo no acampamento, onde é filha do Deus dos deuses.

História:
Spoiler:
Nasceu e cresceu na Pensilvânia, na cidade da Filadélfia. Recebeu esse nome, pois cresceu sempre em berço de ouro, preciosa. Foi criada por babás contratadas por sua mãe, que é dona de uma grife multinacional de roupas. Esta, nunca teve tempo para a filha, que aprendeu tudo o que conhece por vida, ou com as milhares de babás que teve, ou com os amigos, que eram sempre mais velhos que a mesma. Desde pequena sua personalidade forte se destacava. Ganhava todos os prêmios de hipismo, e quando isto não acontecia, ela se irritava a ponto de bater nas babás ou em quem tentasse acalmá-la. Embora isso acontecesse, todos queriam ser amigos dela, ela frequentava as melhores festas, vestia as melhores marcas e fazia as melhores viagens. Aos 16 anos, Precious ganhou o primeiro carro, um porsche amarelo, e isto foi mais um motivo para que as pessoas se aproximassem da mesma.
Sua fama e fortuna foi sempre notória, entretanto, quando começaram os ataques, a semideusa foi obrigada a se mudar para um lugar onde ela não teria tudo o que quisesse, e teria, sim, que lutar pela própria vida.

Turno:
Spoiler:
Deitou-se sobre a cama redonda, os lençóis em um escarlate de seda vívido. Todo o seu quarto possuía aquele charme altamente moderno. A beleza contrastante com a alma exposta nos olhos da garota. Cada lágrima era como um despejo de insanidade, o presente ódio naquele olhar era notório. Olhar vago, o rosto macilento. O que seria uma simples batida na porta transformava cada toque em um estrondo. O vestido florido encontrava-se rasgado no chão, os saltos brancos já não eram os mesmos, um amarelo em tons escuros: A representação do velho. Não que eles fossem realmente velhos, velho era a garota, velho era sua vida, sua rotina. Mais um estrondo soando na porta, os gritos entredentes da menina mandavam que entrassem. O medo expresso nos olhos de mais uma vítima daquela assassina, por que na verdade, ela era uma assassina de almas.
avatar
Precious Frisbey
Semideus

Mensagens : 26
Pontos : 690
Reputação : 5
Data de inscrição : 19/08/2012
Idade : 22

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
6/10  (6/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Miranda Louthratt em Dom Ago 19, 2012 8:18 pm

Miranda Louthratt x Doze anos x Hades

Arma
Por ser pequenina, Miranda carrega consigo três adagas de Bronze Celestial. Porém, por precaução, sempre carrega um revolver com balas de Bonze Celestial.
Características

Tem cabelos castanho-avermelhados e longos. É extremamente pequenina, parecendo quase uma menininha de sete ou oito anos. Tem olhos castanho-claros e pele alva, sendo extremamente bonita e delicada.
Personalidade
É inofensiva por fora, mas perigosa por dentro. Por mais nova que seja, Miranda já sofreu mais do que muita gente. Cresceu com um auto senso de auto-preservação. Seria capaz de mentir olhando nos olhos, seria capaz de fingir gostar de uma pessoa e depois lhe apunhalar pelas costas, se necessário. Porém também triste e solitária, desejando muito que as pessoas vejam o que realmente é: uma menina abandonada, forçada a amadurecer muito cedo e que necessita de alguém que se disponha a cuidar dela.
História
Já ao nascer Miranda passou por situações difíceis. Foi sequestrada por uma enfermeira e vendida à uma família inglesa. A "mãe" de Miranda criou-a com amor, porém sem muito gosto pela menina devido ao modo como foi parar ali. Na verdade, eles só a tinham por causa do marido, que desejava ter filhos. Porém quando a menina completou três anos a mulher cansou-se e resolveu entregá-la para a polícia, contando tudo o que havia feito. Foi detida, porém não presa devido ao fato de que o crime havia sido cometido nos EUA. A menina passou para os cuidado do conselho tutelar, onde foi maltratada. Com cinco anos Miranda começou a se tornar isolada, já não se importando mais com a dor dos ferimentos causados pelas surras. Como os policiais não encontraram algum familiar da menina, a mesma continuou na Inglaterra. Em seu aniversário de oito anos, Miranda encontrou sobre sua cama suas armas, e dentro de sua mochila encontrou o revólver. Sem pensar muito, fugiu da instituição, vagando sem rumo pelas ruas de Londres. Durante a primeira noite pelas ruas, Miranda foi bordada por homens bêbados, que tentaram tocá-la. A menina gritou o mais alto que pode, sendo ouvida nos últimos momentos antes de ser abusada. Um garoto passava por ali e a ajudou, deixando mais da metade dos homens em grave estado. O garoto, de dezoito anos, levou-a para sua casa, onde a mãe do mesmo entrou em desespero ao ver o estado da pequena: suja, com roupas rasgadas e as marcas das surras que recebia. mesmo sendo pessoas humildes, a família a acolheu ilegalmente, educando-a e cuidando o melhor que podia. Porém com o passar do tempo Miranda começou a ver coisas e a ter sonhos estranhos. A nova família, constituída por Marisa, a mãe; Jake, o garoto que a ajudar e por George, o pai; achou melhor levar a garota para os EUA, já que a maioria dos sonhos envolvia a cidade de Manhattan. Ao chegar lá, porém, a criança começou a ter sonhos cada vez mais frequentes. Assustada, ela resolveu fugir, por achar que pessoas tão boas não mereciam tê-la por perto para atrapalhar e causar problemas em suas vidas.
Turno
Miranda sentia-se cada vez mais melancólica à medida em que as horas passavam, vagando sem rumo em meio ao labirinto moderno em que Manhattan. O vento soprou os cabelos levemente ruivos da menina, trazendo o cheiro de morango do shampoo que a mesma usara há um dia atrás. Lembrou-se de Marisa lavando seus cabelos no dia em que a acolheram, do modo gentil e doce como a desconhecida tratara Miranda. Foi a primeira vez em anos que alguém teve compaixão pela mesma, demonstrando até mesmo certo afeto pela pequena criança. A pequena movimentação tirou-lhe de seus devaneios infantis, trazendo à tona a verdade: não foram apenas sonhos, foram premonições. Sonhara com coisas que realizaram-se pouco tempo depois. E ela sabia o que viria a seguir. O mostro a espreitava silenciosamente, na medida do possível. Preparou-se, segurando o revólver, ainda um pouco nervosa. Mas não podia vacilar, não podia se dar ao luxo de ter medo. Pois sua vida dependia daquilo. Suspirou, contando nos dedos os segundos para que ele aparecesse à leste de onde ela estava. Quando este urgiu, Miranda virou-se com graciosidade e precisão. E não hesitou em puxar o gatilho.
avatar
Miranda Louthratt
Semideus

Mensagens : 57
Pontos : 1116
Reputação : 11
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 18

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
10/10  (10/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Gage Fuhrman em Seg Ago 20, 2012 7:44 pm


Gage Fuhrman 16 years Poseidon's Daughter


Arma:
Par de Kamas extremamente afiadas, e totalmente venenosas. Com cabo de 20 centímetros e a inscrição 溺 (afogar) no punho.

Características físicas:
Cabelos loiros cacheados, consideravelmente longos, entretanto, a lonjura é escondida pela bagunça em que se encontram as madeixas. Olhos cor de mel. Alta, por volta de 1,70, e um corpo não muito proporcional, sendo um tanto esguio demais, sem muitas curvas.

Personalidade:
Pode ser considerada louca, adora brincar com coisas sérias, a ponto de ser irritante. É infantil e extremamente engraçada. Por este motivo agrada poucos, todavia, a garota é individualista o bastante para não se irritar com coisas tão banais. O sorriso de escárnio está sempre presente em sua face, chegando a ser sua marca registrada. Não considera o sentimento dos outros sendo muito desatenta ao que as pessoas falam.

História:
Sua mãe é chinesa, por isso a menina tem descendência. No entanto, ela se mudou para Nova York cedo por isso, Gage nasceu em Manhattan, onde cresceu e estudou em um bairro de classe alta. Desde os dez anos, ela costumava andar entre "más companhias". Começou a fumar e beber aos 14. Ia à festas que não eram para sua idade, falsificando documentos. Foi retida uma vez com uma carteira de identidade falsa. Sua mãe, sempre preocupada, era chamada à escola quase todos os dias. A menina nunca teve respeito pela mesma, chingando-a frequentemente. Aos 15 anos, Gage fugiu de casa e passou a viver na rua pelo ano seguinte, no qual ela foi orientada pela voz de seu pai que a fez parar no acampamento.

Turno demonstrativo:
Os passos pesados de Gage ecoavam pelo corredor do quarto. 4:00 da manhã. Sua mãe levantou-se num só solavanco, amedrontada com o que encontraria lá fora. A garota jazia no chão totalmente alcoolizada, na mão esquerda o cigarro, na direita, uma garrafa vazia da bebida que a havia apagado. Algumas lágrimas saíram dos olhos da mãe, enquanto a mesma a carregava até o quarto. - Me largue já. - Sibilou a garota enquanto voltava à consciência. - Me largue. - Repetiu. Mas a mãe não o fez, atitude errônea. A garota levantou os braços reunindo o pouco de força que continha e deu um tapa no rosto da mãe, que a largou. - Eu avisei. - O sorriso de escárnio presente em sua face. Algumas gargalhadas enquanto caminhava até a porta. - Para onde você vai? - A mãe perguntou ainda com os olhos marejados e a mão segurando o rosto. A garota riu, um deboche nato. Era costume da menina não respeitar ninguém, talvez fosse por não ter um pai, mas aquilo não fazia falta alguma naquele momento. Gage inspirou o ar do cigarro e suspirou indicando "cansaço" - Vou para onde você não me encontre. - E partiu deixando para trás o estrondo da porta e um coração de mãe em frangalhos.
avatar
Gage Fuhrman
Semideus

Mensagens : 20
Pontos : 225
Reputação : 5
Data de inscrição : 20/08/2012
Idade : 22

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
2/10  (2/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Cassius Bellasco em Seg Ago 20, 2012 8:11 pm


Cassius Bellasco, 14 anos - Hades


Arma:


Espada de ferro esfigio, o cabo de ouro negro dá um terrível aspecto de escuridão e trevas.


Características físicas:


Cabelo preto e curto, pele branca, alto e magro.


Personalidade:


Tranquilo, meio sozinho mas sem nenhum problema com depressão.


História do personagem:


Desde criança, fui criado por meu pai adotivo, ele era um bom homem, mas ficava completamente sem saída a cada vez que eu o perguntava sobre meus pais biológicos, que, de algum jeito sumiram da minha vida.

Eu estava na oitava série, quando as coisas começaram a piorar, nada que eu fazia dava certo, havia vezes que as pessoas modificavam os fatos, e sempre, não entendo como nem porque, o professor de filosofia estava metido no meio. Certa vez, estavam comentando sobre uma fantasia de bode que ele estava usando por debaixo das calças, no outro dia, nenhuma pessoa lembrava mais do acontecimento, eu fui dado por louco na escola.

Nunca tive amigos e sempre fui sozinho, meu visual nunca atraiu amigos, o mais estranho foi depois de um fim de semana, quando esse tal de professor de filosofia substituiu o antigo, e todos os alunos da escola acreditavam em ele ter sido o professor o tempo todo, e depois, ele começou a me chamar e conversar coisas estranhas de mitologia grega comigo o tempo todo.

Porém o pior não havia chego ainda, o professor surtou certa vez na sala, liberou todos para a sala de vídeo e ficamos eu e ele sozinhos na classe, ele começou a falar que eu precisava ser rápido, pois caso contrário sofreria sérios perigos. O professor agarrou minha mão e correu em direção ao seu carro e saímos da escola em alta velocidade. Então ele parou em frente à minha casa e mandou eu descer e pagar a mochila que estava em cima de minha cama.

Eu corri, e em meu quarto uma mochila estava pronta à minha espera, como o professor poderia saber mais sobre minha casa que eu? Desci as escadas em velocidade e quando sai no jardim, meu pai conversava com meu professor maníaco, e então ele me forçou para o carro e meu professor disparou, rumo a sei lá onde...

O professor me explicou as maluquices todas, ele era um sátiro, a névoa fazia com que as pessoas não soubessem o que havia acontecido, eu era um semideus e estávamos indo a um acampamento onde eu seria treinado para sobreviver no mundo onde os monstros vivem.

Quando cheguei ao acampamento já sabia de tudo, não acreditava muito, mas quando fui reclamado como filho de Hades, acreditei em tudo, soube que dali para frente não seria igual, uma nova história seria escrita, uma nova pessoa tomaria conta de mim, eu seria Cassius Bellasco, não o solitário, mas o filho de Hades.


Turno Demonstrativo:


Eu estava tranquilo, não estava esperando nada acontecer mas o garoto partiu para cima de mim espichando seu braço direito que carregava sua espada e quando ela iria entrar em contato com a minha, de certo modo por puro instinto, intervi o ataque com o escudo, dando um giro ele ainda estava no meio do impacto com o escudo quando ao final da volta ergui o cotovelo direito em um golpe que o acertou a lateral da cabeça fazendo-o cair.

Ele investiu contra minha barriga, apoiei minha espada abaixo da dele e vi momentaneamente que o tamanho das duas era o mesmo, pois a espada dele estava tão perto de fincar em minha mão quanto a minha na dele, assim eu percebi que em dois segundos, se não fizesse nada, seria gravemente ferido, ergui minha espada com velocidade, forçando-o a solta-la. A espada do garoto voou alguns metros e ele correu para busca-la, eu que não estava a fim de ser castigado e vi que Quíron vinha em nossa direção, simplesmente fui atrás dele. Quando ele a empunhou, ainda no chão, eu pisei em sua mão impossibilitando-o de erguê-la.


Última edição por Cassius Bellasco em Ter Ago 21, 2012 10:58 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Cassius Bellasco
Semideus

Mensagens : 2
Pontos : 0
Reputação : 5
Data de inscrição : 13/08/2012
Idade : 20
Localização : Nova York - Estados Unidos

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
0/10  (0/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Nate Stockholm em Seg Ago 20, 2012 11:46 pm




Nome:

Nate Stockholm

Idade:

14 anos

Parente divino:

Poseidon.

Arma:

Duas adagas pequenas de puro bronze celestial.

Personalidade:

Embora tenha apenas 14 anos, Nathaniel sempre fora um garoto problemático que só pensa em si. Não é de amar, muito menos de fazer bons atos, apenas desejando o pior para o próximo. Nunca demonstrou nenhuma espécie de sentimentos que não fosse naturalmente espontânea, o que por sinal é muito difícil de acontecer. Sua boa forma de manipular tudo que está em sua volta resulta no fato do mesmo ter tudo que quis.

Historia do personagem:

Quando nasceu Nate e sua meia irmã Beatrice foram criado por sua baba e sempre vigiados pelo segurança contratado por sua família para protege-los de todo tipo de mal que pudesse lhe vir acontecer. Seu padrasto era um político corrupto o que fazia com que as consequências recaísse não apenas para ele como para toda a família incluindo, especialmente Nate. Um amante da água, sempre passava horas e horas em sua piscina quando não, ficava em sua banheira observando a vida em baixo da água. Sempre buscava sua quase paz interior deslizando seus dedos sob o teclado de um piano, algo que o mesmo também se mostrava bastante destacador. Sua vida se baseava em ir para escola, festas, casa de amigos, e a natação. Embora seja um tipo de “badboy” sempre fora estudioso e se destaca em tudo que tenha relação a escola e a atividades na água. Bonito, almejado por todas garotas que cruzava pelo mesmo, sempre levou uma vida boa. Aos 14 anos seus padrasto morreu em um assasinato trazendo a depressão para sua mãe e a tristesa para toda a família. A relação entre Nate e sua mãe fora em decadência desde então. Com um tempo ambos deixaram de se falar e a mãe suicidou-se deixando por fim uma melancólica carta de despedida onde contia tudo sobre o que ele realmente era e o caminho do acampamento Meio-Sangue.

Turno Demonstrativo.

Seus fios se entrelaçavam formando por fim uma longa trança, seus olhos estavam mais claro que nunca, seus lábios avermelhados clamavam por um beijo, mas hesitei, não mostraria meu sentimentos, não assim, não para ela. –Miranda, você pode-se alto denominar uma psicopata. Estávamos planejando nosso próximo plano, esse era contra uma garota no acampamento que acabara de infringir uma das regras do acampamento, por falta de diversão iríamos tirar proveito dela. –Bobo,você faria pior seu eu permitisse. Ela falava tão delicadamente que sua inocência se tornava nítida aos olhos de todos. –Você ainda me assusta. Falei rindo, era um dos poucos momentos que me encontrava em pura felicidade e não queria que acabasse, e minha única fonte de felicidade naquele momento era ela Miranda, filha de Hades.



Última edição por Nate Stockholm em Sab Set 15, 2012 11:08 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Nate Stockholm
Semideus

Mensagens : 48
Pontos : 1948
Reputação : 13
Data de inscrição : 20/08/2012
Idade : 19

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
10/10  (10/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  MaiYamma em Qua Ago 29, 2012 8:00 pm



Nome
Mai Yamma

Idade:

15

Parente Divino

Ares

Arma

Um par de foices brilhantes de aço, Nela uma parte vem descrita μανία (Fúria) e na outra parte δράκων (Dragão)


Características físicas

Tem cabelos cor de Sangue, pele branca,tem olhos da cor cinza e é um pouco baixa

Personalidade

Simplesmente não aprendeu a ter medo na vida, uma garota impulsiva, Calma,Sarcástica e Violenta


História do personagem

Foi criada por sua mãe na cidade grande, ela sim acreditava que Aquela era sua mãe de verdade...mais onde estaria seu pai?
Esse e Diversos assuntos perturbavam a cabeça da menina, sempre se interessou pela luta e pela guerra, treinava todo dia
Sempre foi difícil e de mente fechada, o quê preservava sua crueldade, A morte e o perigo nunca foram um problema pra ela
todos a estranhavam, ela não tinha realmente medo, enfrentava qualquer coisa, pulava de lugares altos, apoiava em algumas
Coisas mais caía no chão praticamente intacta......Um dia, a jovem voltou para casa e ouviu e gritos de dor e agonia
A porta da frente estava aberta e amassada; dentro, ela viu sua mãe deitada em uma poça de sangue, ao lado dela estava uma
Carta que dizia "Filha, eu sei quê está confusa, sei que não te contei tudo da sua vida....Pois bem....encontre o Acampamento
Meio-Sangue, lá você achará respostas claras,pois se você achou esta carta eu já devo estar morta"
Ela ficou Pensando, se sua mãe escreveu uma carta antes de morrer ela tinha se suicidado? ou alguém a jurou de morte?
A única coisa que se parecia certo agora era procurar esse Acampamento.

Turno Demonstrativo

-A vida teve um jeito de me castigar uma vez...isso não acontecerá denovo Eu disse retirando uma das
minhas foices de um cadáver de minotauro, -você é muito cruel , -Eu sei,disse jogando
a arma em mais outro monstro e acertando sua cabeça, -Pra mim a vida é uma batalha, se você perde não é digno de
viver
Eu estava ansiosa, sentia que alguém vinha em minha direção com sentido de me matar, eu e Hatalya estávamos só
Esperando, este veio a me dar um golpe na cabeça que retribui com um chute forte e violento que o jogou no chão
-É só isso? deviam me mandar matar pessoas mais fortes, apontei minhas foices viradas para o coração do
homem -Tenha todo o Sono que deseja Completei cortando seu tronco


Última edição por MaiYamma em Sex Ago 31, 2012 2:44 pm, editado 1 vez(es)
avatar
MaiYamma
Semideus

Mensagens : 3
Pontos : 0
Reputação : 5
Data de inscrição : 29/08/2012
Idade : 20

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
0/10  (0/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Ellanore Moussier em Qui Ago 30, 2012 9:38 pm


Nome:
Ellanore Moussier

Idade:

16 Anos

Parente divino:

Hécate

Arma:

Bracelete mágico, com 3 pedras em sua volta, cada uma liberando um certo elemento definido pelo seu usuário, e obedecendo a apenas uma pessoa.

Características físicas:

Feições angelicais e corpo alongado, tem como seus principais requisitos seus olhos claros que fazem contraste com seus cabelos negros caindo em pequenas ondulações. Bochechas rosadas, rosto pálido e lábios vermelhos, seu físico identifica-se com sua ingênua personalidade.

Personalidade:

Sua principal característica e sua capacidade de ser extraordinariamente doce o que a torna bastante ingênua. Sempre procura fazer amizade mesmo com quem não merece, talentosa com armas porém bastante indefesa não tendo coragem de machucar uma mosca podendo assim dize o que torna inútil seu talento com armas. Tem um enorme amor por livros, sempre procurando por aqueles que diferenciam-se de sua personalidade, atenciosa e inteligente sempre tenta ajudar o próximo arruinando sua própria vida apenas em troca da felicidade alheia.

História do personagem:

Sempre fora criada com rigidez por seus pais adotivos, Fora criada por 14 anos de sua vida na Inglaterra e mudou-se para New York depois que ganhou uma bolsa de estudos em uma das escolas mais prestigiadas do mundo. Com o tempo levando uma vida de devaneios, acabou por se apaixonar por um garoto que virou seu namorado por 2 ano, seu termino se deu devido a morte inexplicável do garoto em um acidente de carro que fez Leah se tornar uma garota mais fechada e depressiva, uma vida de perturbações tomou conta de seu ser após a morte do amor de sua vida, sempre o via em seus sonhos a as vezes até mesmo na vida real a deixando em plena melancolia. Com o passar dos meses, suas loucuras a trouxe de volta para casa onde por fim matou seus pais por pensar que eles eram apenas frutos de sua imaginação o que acabou a levando para o acampamento meio-sangue.

Turno demonstrativo:

Os segundos se alastravam naquela escuridão continua, meus passos eram levemente ritmados embora todo o meu corpo mostrasse o contrario. Fora passear pela neblina da noite na floresta a procura de algo para fazer. Perambulei por inúmeros lugares por entre as arvores acabando por fim perdida. Já estava ficando nervosa a procura de achar meu caminho de volta até que avistei um casal de pessoas conversando, um sorriso brotou em meu semblante logo de imediato, eles iriam me ajudar a sair daquela escuridão e o meu medo logo logo iria passar. Meus passos eram calculados pois embora tivesse um tanto de confiança que o casal iria me ajudar algo era diferentes neles não sabia o que, continuei a me aproximar logo reconhecendo eles, mas a verdade de quem eles eram seria o meu maior temor. Quando por fim cheguei próximo o bastante para poder toca-los um grito fora sibilado por meus lábios, o casal estava se virando para mim e o medo tomava conta de todo o meu ser, tentei correr mas desastrosamente acabei por tropeçar em meus próprios pés e caindo. Piscava meus olhos freneticamente para que aquele devaneio se esvaísse, mas nada ocorria, eles se aproximavam cada vez mais e eu não conseguia mais me movimentar, o casal estava sangrando, o casal era eu e meu namorado morto.

avatar
Ellanore Moussier

Mensagens : 13
Pontos : 0
Reputação : 5
Data de inscrição : 30/08/2012
Idade : 21

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Gael McGraien em Qui Ago 30, 2012 10:51 pm

"To be truly beautiful we must first find each beautiful, self-confidence mingled with vanity are truly beautiful women."


Gael McGraien


Dezessete anos


Ofíon


Luva de renda negra, com pequenas turmalinas nas pontas e nos espaços entre os dedos. Quando mantem a mão fechada por algum tempo, a luva transforma-se lentamente em couro negro. Nos lugares onde havia as turmalinas, surgem três grandes garras de Bronze Celestial. Quando sua arma não é mais necessária, lentamente as garras se retraem e o couro se transforma novamente em renda.
Gael possui longos cabelos escuros, que às vezes aparentam ser de cor levemente mais clara nas pontas. Seus olhos são de um castanho claro que, em alguns dias, passam para o mel. A pele é clara e pálida, esquálida de modo a parecer anoréxica. Tem cortes por todo o torso, pulsos e pernas, e os esconde com roupas compridas e pulseiras negras. Após receber suas armas, passou a usá-las a fim de esconder suas cicatrizes.

É extremamente frágil psicologicamente, tendo várias doenças alimentares e psicológicas. Sofre de automutilação e tem tendências suicidas. Às vezes a tristeza a acomete tão subitamente que é necessário alguém muito forte impedi-la de tentar se matar. Porém apesar das fraquezas, Gael tenta ser forte para os outros, ajudando os amigos sempre que pode.
Nasceu em Manhattan, sendo criada por uma mãe ausente e rica demais. Por ser realmente muito poderosa, a mãe não era exatamente presente fazendo com que a menina crescesse isolada. Costumava pensar, quando pequena, que se nem mesmo sua própria mãe a amava quem poderia amá-la? Por causa de tal afastamento por parte da mãe, a menina desenvolveu vários distúrbios alimentares, por achar que tornando-se mais bonita, magra e esbelta, talvez a mãe desse um pouco mais de atenção á mesma. Depois de muitas sessões de terapia e reabilitação, Gael conseguiu se tratar e se curar parcialmente das doenças. Com o passar dos anos, porém, Gael desenvolveu doenças psicológicas, como por exemplo, a pratica de automutilação. Por anos ficou viciada em tal ato, tendo praticamente desenvolvido um vício em tal coisa. Por muito tempo não teve em quem confiar, até que a empregada da casa, a que arrumava o quarto dela, viu as marcas e se tornou amiga da menina. Foi induzida a se internar em uma clinica de reabilitação, da qual fugiu três meses depois. Depois de tantas crises, na época com quinze anos, Gael começou a se dedicar à musica, compondo algumas letras e aprendendo a tocar violão.
Em meio a devaneios veranistas fui tirada de meu paraíso artificial e enganoso, sendo trazida de volta a uma realidade dura e desconfortável. O dia estava vindo, com um sol a me esperar. E isso era de certa forma uma coisa boa, pois significava que eu havia sobrevivido a mais uma noite. Em movimentos lentos e preguiçosos, espreguicei-me, fazendo com que as mangas de meu pijama se retraíssem, deixando a mostra meu pulso e o que o mesmo carregava. Bem, não era algo que eu me orgulhava, mas não podia ignorar quem era e o que havia feito. Abaixo rapidamente os braços, escondendo as marcas. Com pouquíssima disposição, levantei de minha cama praticamente obrigada, indo em direção ao banheiro. Esperava que minha mania irritante de tomar banhos frios de manhã valesse alguma coisa, tirasse de mim a tristeza contínua que insistia em fazer de mim sua moradia permanente. Esperava que a água levasse em bora, juntamente com a sujeira, todas as mágoas, dores e sofrimento. Esperava que me trouxesse esperança.
avatar
Gael McGraien
Semideus

Mensagens : 37
Pontos : 1380
Reputação : 5
Data de inscrição : 20/08/2012
Idade : 23

Ficha do personagem
Inventário:
Nível do personagem:
10/10  (10/10)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Inscrições - Semideuses

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum